Os filhos da Terra – parte 2 de 5

2. O vale dos cavalos

 

Agora Ayla está sozinha.

No primeiro volume da série, Jean M. Auel nos apresenta os hábitos e costumes dos Neandertais, seres que ocuparam a terra há milhares de anos. A convivência de Ayla – um exemplar Homo sapiens – com Neandertais é o gancho usado pela autora para revelar todas as diferenças – e porque não, semelhanças – entre as espécies. Com o desenrolar do romance, as diferenças se tornam maiores e insustentáveis e Ayla parte em busca dos seus semelhantes.

Por muitas páginas, Ayla viaja sozinha por um planeta muito diferente do nosso. É a desculpa ideal para que, dessa vez, Jean nos revele a paisagem desse planeta hoje desconhecido. Ela descreve tudo: as plantas, os animais, o clima, de uma maneira muito agradável e não cansativa.

Se não me engano, A Era do gelo se passa na mesma época que a saga Os filhos da terra, e apesar de não ter imagens, o livro consegue ilustrar muito bem o período

Mas o mais interessante mesmo é a maneira que a autora tem de contar como grandes evoluções e descobertas da humanidade aconteceram. É claro que a descoberta de uma maneira mais rápida de fazer fogo ou da domesticação e posterior utilização de animais em proveito próprio não foi feito de uma única pessoa ou de um mesmo povo. Provavelmente, vários povos fizeram descobertas como essa concomitantemente e anos se passaram até que essas e outras descobertas fossem compartilhadas.

Mas em Os filhos da terra, Jean utiliza Ayla para demonstrar como todas essas descobertas devem ter acontecido. Jean narra o modo como, quase sem querer, Ayla adota um potro, torna-se amiga dele e, por consequência, começa a utilizá-lo em suas funções diárias, para caçar e carregar a caça abatida, por exemplo. Parece uma coisa muito óbvia para quem tem cachorro, gato, papagaio e periquito como animais de estimação, mas imagina a diferença que isso não deve ter feito? Aliás, no próximo volume da série, Ayla domestica um lobo. É o pontapé inicial para os nossos cãezinhos de estimação.

É muito gostoso imaginar como todas essas evoluções aconteceram e Jean M. Auel é capaz de nos transportar para o exato momento em que elas se desenrolaram.

Outra coisa muito importante acontece no segundo volume da saga. Jean M. Auel nos apresenta um novo exemplar de Homo Sapiens: Jondolar. É agora que vamos conhecer melhor os hábitos dos Homo Sapiens, principalmente no que diz respeito a relacionamentos.

 Continua…

Quem? Jean M. Auel

O que? O vale dos cavalos

Quando? A edição que eu li, da best bolso, é de 2008, mas não recomendo muito. É cheeeio de erros de digitação e similares!

Páginas? 677

Anúncios

5 comentários sobre “Os filhos da Terra – parte 2 de 5

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s